Cultura e Esporte

O country vintage de Laura Pergolizzi

Escrito por Lucas Gabriel

Sempre que tenho vontade de conhecer algum trabalho musical diferenciado, procuro além do Spotify. Até por que, criou-se um hábito estranho no consumo de música, onde só os veículos de streaming falam a verdade, sendo que a realidade é bem diferente.

E foi nesse momento que resolvi mudar um pouco e buscar no YouTube atrás de alguma novidade, onde acabei encontrando várias possibilidades novas de cantoras, cantores e bandas divulgando seus trabalhos de forma gratuita, e em muitos casos com grande qualidade fonográfica.

Foi mais ou menos no final de dezembro de 2016, que descobri uma música chamada “Lost on You”, de uma cantora até então desconhecida para mim. Seu nome artístico, LP, me remetia aos discos antigos. Pronto! Fiquei realmente apaixonado pela sua música e obra, afinal sou fissurado pela música antiga no geral, e me agradou muito saber que existia uma cantora com tamanho potencial, seguindo os moldes de décadas já passadas.

Então resolvi pesquisar mais a respeito desta novidade que havia encontrado. Onde o primeiro mistério acabei desvendando.

LP, na realidade é um apelido que a cantora Laura Pergolizzi ganhou durante o início de sua carreira, que já possui quase 20 anos, diga-se de passagem. O que mais chama a atenção em suas canções, é justamente ir na contramão de tudo o que ouvimos atualmente, pois fica evidente um estilo muito parecido com o country de Johny Cash, misturando com arranjos variados pegando influências entre o pop dos anos 80 e 90.

Antes de chegar ao seu sucesso atual, chegou a compor músicas para cantoras famosas como Cher, Christina Aguilera e Rihanna. Além ter em seu histórico três discos gravados e um Ep.

Com milhões de visualizações em suas canções, LP vem ganhando a cada dia mais seu espaço no mercado da música mundial, e promete ser uma grande aposta da música internacional.

Sobre o autor

Lucas Gabriel

Lucas Gabriel Mh é natural de Juiz de Fora, e sempre foi ligado com as artes. Aos 7 anos fez sua primeira peça teatral, denominada “O Descobrimento do Brasil” dirigida por Robson Terra no ano de 1999. Dos 12 aos 13 anos estudou desenho artístico e suas técnicas. E dos 14 aos 17 estudou violino pela escola Expresso Música, projeto da Polícia Militar de Ipatinga/MG.

Formou-se em Tecnologia de Programação na Faculdade Senai em 2014, no ano seguinte ingressou no curso de Jornalismo pela Faculdade CES/ACADEMIA/JF e começou a estudar inglês pela UFJF. É um apaixonado por música, cinema e quadrinhos e há dois anos é compositor e vocalista da Banda Turx 93. Atualmente é fundador e jornalista do blog IN SITTE.

Comentários no Facebook